Translate

domingo, 19 de abril de 2015

Come on baby, light my fire! - Barbaturex morissoni Head, Gunnell, Holroyd, Hutchison & Ciochon, 2013



Jim Morrison, vocalista da banda The Doors, é conhecido também como Lizard King. O como só existe um rei para cada território, seu nome foi concedido também ao rei dos lagartos pré-históricos, Barbaturex morissoni Head, Gunnell, Holroyd, Hutchison & Ciochon, 2013.


Barbaturex morissoni Head, Gunnell, Holroyd, Hutchison & Ciochon, 2013 (Squamata: Acrodonta)

Etimologia:
Barbatu = barbado, referência a presença sulcos ventrais na mandíbula.
rex =  rei, referente ao seu grande tamanho.
morrisoni = referência a Jim Morrison, vocalista da banda The Doors.

-

Fósseis de Barbaturex morissoni. Fonte: Head et al. 2013.

Barbaturex morissoni é uma espécie pré-histórica de lagarto extinta há milhões de anos. Seu formato lembra o de um iguana, com possivelmente cerca de 1 m de comprimento, do focinho ao ventre. O pesquisador Jason Head e seus colaboradores descreveram esta espécie com base em fósseis de arcada dentária encontrados na Formação Pondaung, em Mianmar, uma região famosa entre paleontólogos devido à diversidade de fósseis da fauna que viveu por volta de 37 milhões de anos atrás, no Eoceno. O gênero Barbaturex possui apenas a espécie B. morissoni.

Segundo os pesquisadores, o grupo filogeneticamente (com origem evolutiva comum) mais próximo de B. morissoni que ainda vive é o dos lagartos Uromastycinae, como Uromastyx aegyptia, encontrados no Oriente Médio e Ásia. Jason e sua equipe chegaram a tal conclusão após analisar características genéticas dos indivíduos, bem como a morfologia da dentição de cada fóssil. Os pesquisadores também concluíram que B. morissoni era herbívoro, com dieta complementada pelo consumo de invertebrados.


Uromastyx aegyptia, lagarto atual filogeneticamente
mais próximo de Barbaturex morissoni. Fonte: Tagung, 2007.
Barbaturex morissoni viveu em um ecossistema rico em mamíferos carnívoros e herbívoros, sendo maior do que a maioria dos mamíferos da época. Sabe-se que o Eoceno possuía clima mais quente do que o atual (temperaturas de 2°C a 5°C maiores do que a média atual), o que favoreceu a existência de lagartos herbívoros maiores do que os atuais. Isso aconteceu porque a digestão de plantas depende de um custo metabólico diretamente relacionado à temperatura do corpo. Lagartos dependem do ambiente para se aquecerem e uma dieta herbívora aumenta os gastos de energia e, conseuqentemente, a necessidade de temperaturas mais altas.


Reconstrução de Barbaturex morrisoni. Fonte: Angie Fox (NSMNH) 2013.

Referência
Head, J. J.; Gunnell, G. F.; Holroyd, P. A.; Hutchison, J. H.; Ciochon, R. L. 2013 Giant lizards occupied herbivorous mammalian ecospace during the Paleogene greenhouse in Southeast Asia. Proceedings of the Royal Society B, 280: 20130665.

Autoria: Suzane Melo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por enviar seu comentário!